ABES: É paulada para todo lado para TIC no Brasil

175

Convergência Digital – Ana Paula Lobo

Os números de mercado de 2020, apesar do impacto da Covid-19 na economia, seriam para comemorar a resiliência das empresas de TI no Brasil, mas há um grande pé atrás com relação ao que está vindo pela frente.

O estudo “Mercado Brasileiro de Software – Panorama e Tendências 2021”, realizado pela ABES – Associação Brasileiras das Empresas de Software com dados do IDC, mostra que a indústria de tecnologia no Brasil cresceu 22,9% e investiu cerca de R$ 200,3 bilhões (US$ 50,7 bilhões), se considerados os mercados de software, serviços, hardware e as exportações do segmento. O levantamento aponta que o Brasil conquistou posições no ranking mundial de TI, da 10ª posição em 2019 para 9ª em 2020, e manteve a liderança no mercado latino-americano, com 44% de participação.

A comemoração, com a resiliência das empresas de TI, é comedida. Até por conta das recentes ações governamentais que podem ter um impacto pesado nas empresas de software e serviços e em toda a indústria de TIC do Brasil. “Não podemos esquecer que 90% das empresas que fazem software no Brasil são pequenas e médias e elas sofrem muito com essas oscilações”, afirmou o presidente da ABES, Rodolfo Fücher.

Mais informações: https://www.convergenciadigital.com.br/Negocios/ABES%3A-E-paulada-para-todo-lado-para-TIC-no-Brasil-57721.html