Acessos de banda larga fixa em fibra devem crescer 279% no Brasil até 2025

558

Teletime – Henrique JuliãoHENRIQUE JULIÃO

Após apontar a marca de 1 bilhão de acessos em banda larga fixa em outubro do ano passado, o Broadband Forum divulgou estimativa de que, até o final de 2025, 1,2 bilhão de contratos do serviço estejam ativos. A demanda reprimida em países desenvolvidos e sobretudo a crescente disponibilidade da fibra ótica devem ser as principais razões para o salto: no mundo, a expectativa é que a quantidade de acessos em FTTH, FTTP (fiber-to-the-premises) ou FTTB (fiber-to-the-building) dobrem. Já para o Brasil é aguardado um crescimento de 279% na tecnologia durante o intervalo.

Como o País encerrou 2018 com 5,593 milhões de acessos viabilizados pela fibra ótica, as projeções do Broadband Forum (elaboradas ao lado da empresa de análise de mercado Point Topic) sugerem aproximadamente 21,1 milhões de contratos do gênero ao fim de 2025. Ainda assim, o crescimento percentual robusto fica abaixo do projetado para outros países em desenvolvimento como Tailândia (alta de 3352%), Índia (676%), Argentina (320%) e Colômbia (291%); ou mesmo mercados desenvolvidos como Bélgica (2555%) e Reino Unido (1907%). No globo, a alta projetada para os acessos em fibra é de 51%, atingindo assim 59% de toda a base de banda larga fixa mundial em 2025. No mesmo período, a quantidade de acessos baseados em DSL/ADSL deve recuar 39%, enquanto as tecnologias FTTC/VDSL devem crescer 28%

Leer más: http://teletime.com.br/07/03/2019/acessos-de-banda-larga-fixa-em-fibra-devem-crescer-279-no-brasil-ate-2025/