Brasil | Anatel estuda implementar tecnologia para acabar com ligações indesejadas

Para Daniel Fuchs, da Arquia Datora, o Brasil lidera o ranking de chamadas indesejadas devido à regra dos 3 segundos.

249

Leer en español

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) promoveu um evento virtual nesta quinta-feira, 16, para debater a tecnologia Stir Shaken, que visa diminuir a quantidade de ligações indesejadas para os usuários. 

A solução foi criada nos Estados Unidos como uma forma de mitigar essas chamadas e já está sendo implementada ao menos no país norte-americano, no Canadá e no Reino Unido.

A tecnologia apresentou bons resultados nos testes realizados em laboratório e pode ajudar o Brasil a melhorar sua colocação no ranking de nações afetadas por chamadas indesejadas. Em 2019 e 2020, o país liderou a lista da Truecaller.

Desafios

Para Daniel Fuchs, diretor de inovação da Arquia Datora e conselheiro da Labcom, o principal problema do Brasil é a regra dos 3 segundos. “A gente tem uma regra que determina que os primeiros 3 segundos de chamadas não são cobrados”, explicou. 

“Isso faz com que o operador faça 100 chamadas, por exemplo, mesmo só tendo 10 posições de atendimento, porque ele sabe que uma parte não vai ser atendida. Das 100 chamadas, 20 são atendidas, mas só tem atendentes para 10 chamadas. Então 10 são desligadas antes de 3 segundos.” Para Fuchs, essa regra faz com que o Brasil continue liderando o ranking de ligações indesejadas.

Outro possível desafio é se o telemarketing utilizar operadoras estrangeiras para mandar o tráfego para o Brasil. “Seria uma forma de ultrapassar a restrição que estamos tentando implementar”, disse Fuchs.

Assim como os Estados Unidos, o Brasil também sofre com equipamentos e softwares obsoletos, que não podem se adequar à implementação do Stir Shaken, de acordo com o especialista.

E, por fim, ele acredita que o país deveria estimular a padronização internacional no Stir Shaken, “tanto no processo de emissão de certificados, como no formato de carregar o número dentro da rede”, com o objetivo de compatibilizar a tecnologia em relação à troca de tráfego internacional.

A tecnologia Stir Shaken permite a verificação da autenticidade de quem realiza a chamada, o que pode contribuir para evitar ligações de robôs, por exemplo.

Medidas da AnatelA Anatel criou a plataforma Não Me Perturbe em 2019 com o objetivo de diminuir a quantidade de chamadas indesejadas, mas a ação não atingiu o resultado desejado. Nesta semana, a agência apresentou uma nova medida: utilizar o código 0303 para ligações de telemarketing. Com isso, a Anatel espera dar a opção ao consumidor de atender ou não a chamada.