Brasil | Angola Cables diversifica serviços para enfrentar mercado mais competitivo

89

Teletime

Pode-se dizer que a Angola Cables tenha ancorado no Brasil de maneira definitiva em 2018, quando o primeiro cabo submarino ligando Brasil e a África, o SACS, foi ativado, e desde então a empresa se tornou um player importante no segmento de capacidade e data center. Só que naquele momento, todas as estimativas de retorno de investimentos eram feitas considerando um preço por Mbps de US$ 4. Hoje, a realidade é outra, e com o acirramento da concorrência as empresas de capacidade enfrentam um preço base de US$ 0,20 por Mbps. “A nossa resposta é a diversificação dos negócios, com novos serviços agregados”, diz o presidente da empresa, Ângelo Gama, que assumiu o comando da operadora no ano passado, em entrevista a este noticiário.

Mais informações: https://teletime.com.br/03/12/2021/angola-cables-diversifica-servicos-para-enfrentar-mercado-mais-competitivo/