Brasil | Associação Neo quer bloquear a compra da Warner pela Discovery

Negócio firmado entre AT&T e Discovery em maio vai concentrar mercado de programadoras de TV paga no Brasil, dificultando negociação dos ISPs, diz a Neo.

75

Tele.síntese – Rafael Bucco

A Associação Neo foi aceita na sexta-feira, 12, pela Superintendência-Geral do Cade como terceira interessada no processo de venda da WarnerMedia à Discovery. A entidade critica o negócio e pede que seja recusado.

A transação, anunciada em maio, vai render US$ 43 bilhões à AT&T. O resultado será a criação de um conglomerado de entretenimento, reunindo estúdios de cinema, produtoras e programadoras de TV por assinatura, que será chamado de Warner Bros. Discovery.

Os efeitos da transação no Brasil, conforme as próprias AT&T e Discovery, serão a sobreposição horizontal nos segmentos de produção e licenciamento de conteúdo audiovisual; licenciamento (ou distribuição) de canais para TV por assinatura para operadoras de TV por assinatura e licenciamento para produtos de consumo. Mas em nenhum caso, defendem, há preocupações concorrenciais por conta da competição de Globo, Disney e Viacom CBS, defendem.

Mais informações: https://www.telesintese.com.br/cade-aceita-associacao-neo-como-3a-interessada-compra-da-warner-pela-discovery/