Brasil | Em painel da CILAC, ministro defende desenvolvimento da IA voltado ao bem-estar da população

114

Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações

O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações, astronauta Marcos Pontes, participou nesta segunda-feira (26) do Fórum Aberto de Ciências da América Latina e do Caribe (CILAC).  Durante o painel de alto nível “Ética e inteligência artificial: desafios e responsabilidades no mundo dos algoritmos”, Pontes destacou que o desenvolvimento da tecnologia deve, em primeiro lugar, gerar qualidade de vida para a população e vencer desigualdades sociais.

“Não podemos ficar focados apenas no desenvolvimento na tecnologia, mas lembrar que o usuário, o ser humano, é a parte mais importante. Qualquer desenvolvimento deve atender ao bem-estar, a qualidade de vida das pessoas, levando em conta as diferenças sociais. O Brasil é um país muito grande, com diferenças entre as regiões, e seria injusto ter o desenvolvimento apenas nas cidades mais desenvolvidas e deixar outras cidades para trás”, afirmou.

Pontes descreveu que a inteligência artificial é uma das prioridades do MCTI desde o início da gestão e está integrada a outra iniciativa, a criação das câmaras da Internet das Coisas (IoT) nas áreas de Saúde, Indústria, Agro e Cidades Inteligentes. Em abril, foi publicada no Diário Oficial a Estratégia Brasileira de Inteligência Artificial, que vai nortear as ações do Estado a fim de estimular a pesquisa, inovação e desenvolvimento de soluções, bem como o uso consciente e ético da IA.

Leia mais: https://www.gov.br/mcti/pt-br/acompanhe-o-mcti/noticias/2021/04/em-painel-da-cilac-ministro-defende-desenvolvimento-da-ia-voltado-ao-bem-estar-da-populacao