Brasil | Internet ultrarrápida, TV digital e apoio à agricultura familiar transformam a realidade do Rio Grande do Norte

124

Anatel

O Ministério das Comunicações (MCom) ampliou nesta quarta-feira (16/6), em evento realizado em Mossoró (RN), a mudança do padrão de qualidade da televisão e da internet no Rio Grande do Norte. Na mesma solenidade, o ministro do MCom, Fábio Faria, lançou o edital da primeira fase do programa Digitaliza Brasil e anunciou ativação de novos pontos de internet por fibra ótica em 101 escolas públicas de Mossoró, até dezembro deste ano, pelo programa Nordeste Conectado. Em outra frente, o Ministério da Cidadania anunciou também a liberação de recursos para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) Leite.

Mossoró é uma das 16 cidades-polo do programa Nordeste Conectado. A ação busca expandir o tráfego de dados em fibra ótica ao longo da rede da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf). Por sua vez, o lançamento da fase 1 do Digitaliza Brasil beneficia diretamente 17 municípios potiguares que estão aptos a receber infraestrutura e equipamentos necessários para a digitalização do sinal da TV. A melhor qualidade de imagem e som e a maior diversidade de programação são duas das principais vantagens do sinal digital.

“A gente vai trocar todas as antenas analógicas pelas digitais. Existem ainda 1.638 municípios no Brasil que só têm sinal analógico e as pessoas não podem usufruir das novidades que a TV digital traz. Então, estamos trazendo o Digitaliza Brasil para mudar essa realidade”, enfatizou Faria. Outras entregas recentes do MCom colaboraram com o fortalecimento do setor de radiodifusão no estado, entre elas a renovação das outorgas de duas rádios comunitárias e de uma rádio educativa.

Leia mais: https://www.gov.br/mcom/pt-br/noticias/2021/junho/tv-digital-internet-com-alta-velocidade-e-apoio-a-agricultura-familiar-transformam-a-realidade-do-rio-grande-do-norte