Brasil mira expansão do acesso à Internet no campo com plano de ação

O documento conduz as ações relacionadas à Agro 4.0 para o período de 2021 a 2024

164

Leer en español

A Câmara Agro 4.0 no Brasil aprovou, na última semana, o Plano de Ação para o período de 2021 a 2024. A iniciativa tem como objetivo expandir o acesso à Internet no campo e adquirir tecnologias e serviços inovadores no ambiente rural a um custo viável.

O Plano lista ações e iniciativas para superar os desafios elencados pela Câmara Agro 4.0 com o apoio do setor privado, universidades e institutos de ciência e tecnologia. E está dividido em quatro eixos prioritários: desenvolvimento, tecnologia e inovação; desenvolvimento profissional; cadeias produtivas e desenvolvimento de fornecedores; conectividade no campo.

Algumas das atividades previstas são introduzir o uso de tecnologias do Agro 4.0 nas pequenas, médias e grandes propriedades, garantir que soluções de empresas de base tecnológica, startups e integradoras sejam oferecidas e disponibilizadas aos produtores e assegurar estabilidade e volume de recursos, a custo adequado, para implementar iniciativas para o Agro 4.0.

Para implementar o Plano, foram criados Grupos de Trabalho com representantes de instituições públicas, privadas, da academia, indústria e instituições representativas.

O projeto faz parte do Acordo de Cooperação Técnica, assinado entre o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. 

Em setembro de 2020, foi lançado o edital Agro 4.0, para premiar 14 projetos pilotos com um montante de R$ 4,8 milhões para o desenvolvimento e difusão de tecnologias digitais, além de ter identificado modelos viáveis de implantações tecnológicas a serem executados com as cadeias agropecuárias.