Brasil | Prazos de entrega dobram com escassez de componentes de semicondutores no Brasil

176

Tele.síntese – Ramana Rech

Os pedidos de componentes eletroeletrônicos da Standard America, indústria brasileira de placas eletrônicas, que antes demoravam 30 dias para chegar, agora dobraram ou, até mesmo, triplicaram seus prazos de entrega. Da mesma forma, produtos que antes custavam US$ 0,30, hoje variam entre US$ 0,55 e US$ 0,60.

A companhia não é a única que sofre os impactos do desabastecimento de semicondutores e seus componentes despertado pela pandemia. A crise de escassez se espalhou por todo o mundo, mas afeta duramente o Brasil pela sua dependência industrial em outros países.

O presidente da Associação Brasileira da Indústria de Semicondutores (Abisemi), Rogério Nunes, afirma que a crise pode, inclusive, retardar a implantação da 5G no Brasil. A quinta geração possui uma alta demanda de semicondutores para a instalação de antenas. “A tecnologia 5G vai precisar de sensores, receptores e transmissores de sinais instalados por cada quarteirão do Brasil”, comentou.

Mais informações: https://www.telesintese.com.br/prazos-de-entrega-dobram-com-escassez-de-componentes-de-semicondutores-no-brasil/