Brasil | Provedores regionais: edital 5G tem inconsistências técnicas e ameaçam ida à Justiça

94

Convergência Digital – Ana Paula Lobo

O edital aprovado pela Anatel para o 5G é repleta de inconsistências técnicas e sem os ajustes significativos e necessários para a democratização da implantação da rede em todo o país e a participação de empresas provedoras de internet brasileiras. A posição é da Iniciativa 5G Brasil consórcio de provedores regionais de Internet.

A iniciativa entende que o texto aprovado acaba, em suas entrelinhas técnicas, por colocar em vantagem as operadoras de grande porte – pois estas já têm operação em pleno funcionamento -, abrindo assim um horizonte de equívocos semelhantes aos já vistos no Brasil quando da chegada das redes 3G e 4G, às quais o interior do país teve acesso tardiamente (ou ainda não teve) em comparação com as capitais.

No comunicado ao mercado, a Iniciativa 5G Brasil diz que “é sabido, conforme inúmeros estudos encomendados por esta Iniciativa junto a empresas e especialistas conceituados do setor e já apresentados e detalhados aos técnicos, conselheiros, e ministros envolvidos no processo, que a opção por não ajustar o texto de forma a viabilizar a participação justa de novos entrantes comprometerá não apenas os provedores regionais, mas também o agronegócio e moradores de mais de 5,5 mil municípios brasileiros – 95% do total.”

Leia mais: https://www.convergenciadigital.com.br/Telecom/Provedores-regionais%3A-edital-5G-tem-inconsistencias-tecnicas-e-ameacam-ida-a-Justica-58247.html