Brasil | Sindicato de operadoras se opõe ‘frontalmente’ à proposta de reforma tributária

139

Valor – Rodrigo Carro

As propostas de reforma tributária apresentadas até agora pelo governo federal geram distorções que desestimulam investimento e freiam o avanço da banda larga no país, sustenta Marcos Ferrari, presidente da Conexis Brasil Digital, sindicato que reúne as principais operadoras do país. Na última sexta-feira, o ministro da Economia, Paulo Guedes, entregou ao Congresso Nacional a segunda fase da reforma tributária.

Relatório divulgado pelo banco BTG Pactual na segunda-feira considera que empresas de telecomunicações e bancos seriam os que mais sofreriam com as mudanças propostas pelo governo na sexta-feira. Isso porque pagam muitos juros sobre capital próprio. A companhia de bebidas Ambev também seria penalizada, na visão dos analistas do banco.

Mais informações: https://valor.globo.com/empresas/noticia/2021/07/01/sindicato-de-operadoras-se-opoe-frontalmente-proposta-de-reforma-tributaria.ghtml