Tele.síntese

A Fortinet anunciou os resultados para o primeiro semestre de 2020 de sua plataforma Fortinet Threat Intelligence Insider Latin America, ferramenta que coleta e analisa incidentes de segurança cibernética em todo o mundo. O Brasil sofreu mais de 2,6 bilhões de tentativas de ataques cibernéticos de janeiro a junho, de um total de 15 bilhões em toda a América Latina e Caribe. No último trimestre, a empresa registrou um aumento considerável de ataques de “força bruta” na região, que são as tentativas repetidas e sistemáticas de adivinhar uma credencial enviando diferentes nomes de usuário e senhas para acessar um sistema.

“O crescimento do trabalho remoto reacendeu o interesse dos cibercriminosos por este tipo de ataque, pois eles encontram um número significativo de servidores RDP (Remote Desktop Protocol) configurados incorretamente, facilitando as invasões”, explica Alexandre Bonatti, diretor de Engenharia da Fortinet Brasil. “Os ataques de força bruta são comumente usados ​​para quebrar algoritmos de criptografia ou obter senhas fracas, senhas de e-mail, credenciais de redes sociais, acesso Wi-Fi etc. O invasor promove, por meio de mecanismos automáticos repetitivos, diversas tentativas quase simultâneas até alcançar o resultado bem-sucedido.”

Leer más:http://www.telesintese.com.br/brasil-teve-26-bilhoes-de-tentativas-de-ataques-ciberneticos-em-seis-meses/

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here