Brasil | TIM avalia spinoff de unidades de IoT e de publicidade móvel

117

Teletime – Bruno do Amaral

A TIM considera fazer a separação industrial da unidade de Internet das Coisas, sobretudo no atendimento ao agronegócio. A ideia, que também poderia ser aplicada à unidade de publicidade móvel, é colocar criar empresas independentes e de inovação no mercado, que passariam a ter avaliação com múltiplo de receita, em vez de considerar o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (EBITDA) da operadora.

Segundo o presidente da TIM, Pietro Labriola, essa movimentação já está sendo feita. “A ideia com Camille [Faria nova CFO] é começar a construir internamente uma unidade de negócios para definir bem o perímetro da receita”, declarou o executivo. Assim, será possível “destravar valor para gerar mais valor” aos acionistas. 

“Uma dessas áreas, junto com mobile advertising, é o IoT no agronegócio. Se colocar receita de R$ 40 milhões por ano [da unidade] na TIM, tanto faz. Se colocar ‘para fora’, à luz dessa nova empresa, será um futuro unicórnio”, compara.

Leia mais: https://teletime.com.br/26/10/2021/tim-avalia-spinoff-de-unidades-de-iot-e-de-publicidade-movel/