Brasil | UM Telecom vê participação de PPPs no leilão do 5G cada dia mais distante

109

Ponto ISP – Lúcia Berbert

Está cada vez mais difícil a participação de Prestadoras de Pequeno Porte (PPPs) no leilão do 5G. A afirmação é do CEO da UM Telecom, Rui Gomes, em entrevista ao PontoISP, nesta segunda-feira, 16. Segundo ele, o preço do lote da frequência de 26 GHz, que a operadora tem mais interesse, está muito além do esperado. 

Para Gomes, equívocos elevaram em demasia o preço da frequência. Entre eles, a divisão dos lotes por região e a precificação com base na população, além do benchmark com países que têm realidades econômicas bem diferentes do Brasil. Assim, o lote da região Nordeste, que abriga 27% da população do país, foi estimado em R$ 215 milhões, valor que pode ser aumentado, caso a Anatel acate a recomendação da análise técnica do Tribunal de Contas da União (TCU). 

Além disso, a comparação com países como os Estados Unidos, que tem um ARPU (receita média por cliente) de US$ 48, enquanto no Brasil não passa de US$ 5, não é coerente, afirma o executivo. “Desse jeito, a conta não fecha, ainda mais que com essa frequência só é possível usar em banda larga”, disse. 

Leia mais: https://www.pontoisp.com.br/um-telecom-ve-participacao-de-ppps-no-leilao-do-5g-cada-dia-mais-distante/