Claro levantará mais de R$ 1,5 bilhão com debêntures

Serão emitidos 153.800 títulos no valor de R$ 10 mil, com vencimento de três anos, para melhorar os passivos da companhia.

109

Leer en español

O Conselho de Administração da Claro aprovou, nesta terça-feira, 20, a emissão de debêntures da operadora no valor de R$ 1,538 bilhão.

Serão emitidos 153.800 títulos com o preço unitário de R$ 10 mil no dia 27 de julho. O prazo de vencimento das debêntures será de três anos.

Segundo as condições aprovadas pelo conselho, a remuneração corresponderá a 100% das taxas médias diárias dos DI (Depósitos Interfinanceiros), acrescida de 1,55% ao ano. Além disso, o pagamento será feito semestralmente, todo dia 27 dos meses de julho e janeiro, a partir da data de emissão até a data de vencimento.

Os recursos captados serão utilizados para o “reperfilamento de passivos da Companhia e/ou do seu grupo econômico, no âmbito da gestão ordinária de seus negócios”, diz a ata da reunião, sem mais detalhes.

Com a decisão, a diretoria está autorizada a contratar prestadores de serviços necessários para a emissão.

Resultados recentes

A Claro teve uma receita líquida de R$ 9,8 bilhões no segundo trimestre de 2021, foi um crescimento de 2,1% em comparação ao mesmo período do ano passado, quando a pandemia de Covid-19 já estava declarada.

O principal destaque de abril a junho deste ano foi o aumento de 10,8% nos ganhos de serviços móveis.