Conflito de frequência adia 5G no Brasil e preocupa empresas

489

Correio Braziliense Jaqueline Mendes

Executivos da chinesa Huawei e da sueca Ericsson, entre muitas outras fabricantes de componentes e tecnologias para telefonia celular, receberam com surpresa a notícia de que a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) poderá adiar o primeiro leilão do 5G no Brasil, previsto para março de 2020.

A decisão deverá ser tomada nas próximas semanas, depois que técnicos da agência identificaram que a frequência de 3,5 GHz que seria usada nas redes de quinta geração para transmissão de dados poderá conflitar com as frequências atuais do sinal da TV aberta, principalmente o que é transmitido a antenas parabólicas em regiões distantes dos centros urbanos.

Leer más: https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/economia/2019/08/05/internas_economia,775513/conflito-de-frequencia-adia-5g-no-brasil-e-preocupa-empresas.shtml