ISPs e transformação digital aquecem o mercado de fibra óptica no Brasil

0
281

Convergencia Digital – Roberta Prescott

A venda de cabos de fibra óptica para os prestadores de serviços de internet permanecerá aquecida pelos próximos cinco anos, segundo perspectiva de executivos da Prysmian, que conversaram com membros da imprensa durante a inauguração da sede do grupo para a América Latina. Localizada na cidade de Sorocaba, interior de São Paulo, o headquarters foi criado após a aquisição da General Cable Corporation, no ano passado, e consolida as operações da região. A sede anterior ficava em Santo André, na grande São Paulo. 

Atualmente, os prestadores de serviços de internet são responsáveis pela compra de metade do volume vendido de fibra ótica pelo grupo. “As empresas de internet estão se desenvolvendo, passaram de uma participação pequena, há quatro ou cinco anos, para aproximadamente 50% do nosso negócio neste ano. Eles não detêm a maioria dos usuários, mas são responsáveis pelo desenvolvimento. Acreditamos que eles seguem crescendo pelos os próximos cinco anos, porque ainda tem muito a fazer no Brasil em fibra ótica e eles tem maior capacidade de construir que as operadoras e de atingir áreas mais remotas que nem sempre interessa para as telcos”, disse João Carro Aderaldo, CCO do Grupo Prysmian. 

Leer más: https://www.convergenciadigital.com.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?UserActiveTemplate=site&infoid=51171&sid=5

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here