Leilão do 5G | Brasil tem uma nova operadora de serviço móvel nacional

179

Leer en español

Após a cerimônia de abertura com a presença do ministro Fábio Faria e do presidente Jair Bolsonaro, o presidente da Comissão Especial de Licitação (CEL), Abraão Balbino, retomou o processo licitatório.

A primeira atividade foi a leitura da reunião mais recente da CEL, que aprovou a participação de todas as 15 proponentes. E, em seguida, passou para a sessão de abertura das propostas.

O primeiro lote vendido, referente à frequência de 700 MHz, teve o ágio de 805,54%, oferecido pela Winity II, associada ao fundo Pátria/Blackstone. Trata-se de uma nova operadora móvel nacional.

Lote A01 – Bloco de 10 + 10 MHz

Não apresentaram proposta: Algar, Brasil Digital, Brisanet, Claro, Cloud2U, Consórcio 5G Sul, Fly Link, Mega Net, Neko, Sercomtel, Telefônica Brasil (Vivo) e TIM.

Apresentaram proposta: 

NK108 – R$ 333.333.333,77

VDF – R$ 318.000.000,00 

Winity II – R$ 1.427.872.491,87

Vencedora: Winity II, associada ao fundo Pátria/Blackstone. Trata-se de uma nova operadora móvel nacional.