Convergencia Digital – Ana Paula Lobo

O OpenRAN permitirá uma desagregação das arquiteturas existentes hoje nas redes de acesso e que são 100% proprietárias, afirmou o diretor de planejamento de rede da Vivo, Átila Branco, ao participar de debate no Futurecom Digital Summit, nesta terça-feira, 30/06. Para ele, a desagregação de software e hardware é fundamental para permitir a virtualização e o uso de cloud, que será o centro dos ambientes nos próximos anos.

“O mercado está muito centralizado. Hoje 60% do custo da operadora está em tecnologia de acesso. O mundo está indo para data center. Para cloud. E as operadoras têm de se adaptar. A descentralização permite alternativa, que fomenta a inovação e a redução de custos”, adiciona o executivo da Vivo.

Leer más: https://www.convergenciadigital.com.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?UserActiveTemplate=site&infoid=54084&sid=8

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here