Teletime – Marcos Urupá

A Telefônica Vivo diz que não realiza monitoramento de seus clientes e que o seu serviço Smart Steps se baseia em dados de mobilidade de usuários que passariam por um “rigoroso protocolo de tratamento”. O posicionamento da empresa foi enviado à este noticiário após questionamento sobre a matéria publicada pelo The Intercept nesta segunda-feira, 13, que acusa a operadora de vender dados de mobilidade tratados como anônimos dos seus clientes.

A operadora explica o processo por qual passam os dados: “primeiro, os dados são anonimizados para evitar qualquer vínculo ou informação pessoal, e posteriormente, são agregados a um grupo de informações anonimizadas de indivíduos e de um tamanho mínimo para evitar qualquer risco de singularidade. Ao final, tais dados são extrapolados ao conjunto total de usuários móveis para atingir a escala suficiente e alcançar o valor estatístico que aporta o Big Data”.

Leer más: https://teletime.com.br/13/04/2020/vivo-nega-acusacoes-de-monitoramento-e-venda-de-dados-de-clientes/

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here